Pular para o conteúdo
Início » Suplementos para mulheres: 5 dicas para a sua saúde!

Suplementos para mulheres: 5 dicas para a sua saúde!

Suplementos

Durante toda a vida, precisamos ingerir a quantidade adequada de vitaminas e minerais essenciais para a promoção e a manutenção da saúde. E esse hábito deve continuar ao longo dos anos, principalmente após os 50.

Uma forma de repor nutrientes altamente importantes durante a fase adulta e de meia-idade é ingerindo suplementos para mulheres. Afinal, nessa fase, o corpo já começa a dar indícios da perda de capacidade de alguns processos bioquímicos.

Cada vitamina desempenha uma função vital no organismo e é preciso investir em fontes externas para suprir todas as necessidades do corpo.

Você sabe qual o melhor suplemento vitamínico para mulher? Separamos abaixo cinco suplementos para mulheres ideais para promover a saúde e prevenir doenças. Boa leitura!

O que são as vitaminas?

As vitaminas são componentes orgânicos que atuam de diversas formas no organismo humano. Com composição variada, elas são responsáveis por uma grande quantidade de funções metabólicas controladas por enzimas e coenzimas.

Até hoje, 13 vitaminas foram reconhecidas na nutrição humana e divididas em dois grupos de acordo com sua capacidade de solubilidade:

  • lipossolúveis: vitaminas A, D, E e K que têm estruturas variadas e são solúveis em solventes orgânicos. Podem ser armazenadas na gordura do corpo e causar toxicidade quando consumidas em excesso;
  • hidrossolúveis: diluídas em água, a vitamina C e as do complexo B (B1, B2, B6, B12, ácido fólico, ácido pantotênico, niacina e biotina), que não são armazenadas em quantidades expressivas no organismo. Por isso é necessário a ingestão diária para suprir as necessidades do corpo.

Todas essas vitaminas, sem exceção, são vitais para o bom funcionamento do corpo e a promoção da saúde, da longevidade, da qualidade de vida e do bem-estar ao longo dos anos.

Porém, algumas delas se destacam quando falamos em melhores vitaminas para mulher. Vamos saber quais são elas? Veja a seguir.

Suplementos para mulheres

O suplemento alimentar para mulher é importante ao longo da vida, principalmente quando a meia-idade chega e traz a fase da menopausa. O corpo se modifica e muitas funções são impactadas com as alterações dos hormônios.

Diante disso, é fundamental investir em uma dieta rica e variada e também em alguns suplementos para mulheres a fim de suprir as necessidades de vitaminas e minerais que o corpo já não armazena e/ou produz com a mesma qualidade e quantidade.

Por isso que lançar mão de um suplemento A-Z mulher, que englobe nutrientes essenciais que desempenham funções imunológicas, antioxidantes e energéticas, configura uma boa alternativa. 

Afinal, qual o melhor suplemento vitamínico para mulher? Confira cinco deles abaixo e entenda os seus respectivos benefícios à saúde feminina.

Vitaminas do completo B

As vitaminas do complexo B atuam como coenzimas de reações químicas de vários macronutrientes que produzem energia para o organismo  e contribuem para prevenir doenças cardiovasculares.

O corpo precisa de pequenas quantidades das vitaminas B1, B2, B6, B12, ácido fólico, ácido pantotênico, niacina e biotina, que podem ser adquiridas por meio da alimentação. Elas não são produzidas pelo organismo.

Destacamos aqui três delas que normalmente são indicadas como suplemento alimentar para mulher.

A biotina, conhecida como vitamina B7, é uma das responsáveis por atuar na quebra de gorduras, proteínas e carboidratos que são transformados em energia para o corpo. Além disso, ela contribui para o fortalecimento de cabelos e unhas ¹. Os alimentos de origem vegetal são a maior fonte dessa vitamina.

Outro nutriente importante é a vitamina B1, chamada de tiamina. Ela participa da conversão do carboidrato em energia e seu suplemento para mulheres é essencial durante a gravidez e a lactação. Ela é ótima para o bom funcionamento das células nervosas e do cérebro e pode ser consumida por meio de leveduras, farelo de trigo, cereais integrais e castanhas. 

A vitamina B2, conhecida como riboflavina, é outra vitamina do complexo B que mantém o equilíbrio das funções do organismo, atuando no transporte de elétrons e na conversão de carboidrato em energia para ajudar o crescimento de células, produção de células vermelhas e para a saúde da pele e dos olhos.

A vitamina B2 pode ser encontrada em alimentos como leite e derivados, carnes, vísceras (fígado e rins), vegetais com folhas verde-escuro, ovos e ervilhas.

Por último, a vitamina B9, bastante conhecida pelas mulheres, principalmente por aquelas que desejam engravidar ou já são mamães. O ácido fólico atua na formação das células do sangue e tem papel vital na multiplicação celular e na formação de anticorpos durante a gestação ².

As maiores fontes da vitamina B9 são: vísceras, feijão, vegetais de folhas verdes, abóbora, batata, carne de porco, laranja, leite, ovo, queijo, milho, entre outros. O organismo absorve aproximadamente 100% de ácido fólico de suplementos para mulheres e alimentos fortificados, mas apenas ⅔ de folato natural em alimentos.

Vitamina C

Chamada também de ácido ascórbico, a vitamina C é uma das mais conhecidas em forma de suplemento. Por ele ser eliminada diariamente pela urina, pelas fezes, pelo suor e pelas vias respiratórias, ela precisa ser ingerida todos os dias.

Ela é altamente antioxidante, atuando contra a liberação de radicais livres, retardando os efeitos do envelhecimento na pele, e previne o corpo de doenças como artrite, diabetes, aterosclerose, catarata, esclerose múltipla, inflamações crônicas, disfunção cerebral, cardiopatias, câncer, doenças do sistema imune etc.

A vitamina C ajuda na cicatrização de feridas e na manutenção do sistema imunológico e combate infecções. Além disso, ela atua na absorção do ferro no organismo e na redução do nível de triglicerídeos e de colesterol. 

Ela é encontrada em alimentos como frutas cítricas, repolho, brócolis, couve-flor, manga, morangos, salsa, batatas, entre outros.

Vitamina D

Cerca de 80% da vitamina D é produzida por meio da exposição solar aos raios ultravioletas, sabia? Apenas 20% dela é absorvida por meio de alimentos. Por isso, ela também é um dos suplementos para mulheres mais utilizados durante a meia-idade.

Ela é vital para a manutenção óssea e o equilíbrio do cálcio e dos fósforos no organismo. A vitamina D também é importante para a contração e o relaxamento os músculos e prevenção de quedas e fraturas na terceira idade.

Pelo fato de o envelhecimento ser um fator de risco para a carência de vitamina D (a pele reduz a capacidade de sintetização dessa vitamina), ela é bastante indicada como suplemento para mulheres. Afinal, ela previne o raquitismo, a osteoporose e a osteomalácia. 

Ela pode ser encontrada em peixes gordurosos (atum, salmão, cavala), gema de ovo, óleo de peixe e cogumelos expostos a raios UV.

Cálcio

O cálcio é o mineral mais abundante do corpo humano. Além de ser fundamental para o crescimento e desenvolvimento, ele desempenha papéis nos processos orgânicos, como liberação de energia para a contração muscular.

Cerca de 99% do cálcio está armazenado nos ossos e nos dentes, mas também é distribuído pelo organismo conforme as necessidades.

Ele é encontrado principalmente no leite e seus derivados e, em proporções menores, na sardinha, no brócolis e na semente de gergelim. A contribuição do cálcio é:

  • 75% de leite e derivados;
  • 7% de carnes e ovos;
  • 6% de vegetais;
  • 12% de outras fontes, como a suplementação de cálcio.

Manter os níveis de cálcio adequados no organismo é vital para prevenir a osteoporose, que atinge cerca de 30% de mulheres no período pós-menopausa.

Zinco

Integrante de suplemento A-Z mulher, o zinco participa de diversos processos metabólicos, como função imune, defesa antioxidante, crescimento e desenvolvimento.

Os alimentos ricos em zinco são clara de ovo, frango, ostras, mariscos, carnes vermelhas, nozes e leguminosas.

As vitaminas e os minerais são essenciais para a saúde e a longevidade. Por isso, caso perceba que a sua alimentação não esteja adequada ou que a absorção de alguns deles esteja ineficiente, em decorrência da idade, procure um médico de confiança para saber mais sobre suplementos para mulheres. 

Este texto foi escrito pela equipe da Vitasay, empresa pioneira de multivitamínicos no Brasil, que oferece uma linha exclusiva de vitaminas e minerais para pessoas acima de 50 anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Sair da versão mobile