Dor e Câimbras nas Perna do Diabético: Dicas de Tratamentos

O diabetes pode causar varias complicações como dor e câimbras nas pernas que podem ser causadas pela neuropatia diabética. Os tratamentos e remédios são mostrados nesse artigo.

Dor e Câimbras nas Perna do Diabético: Dicas de Tratamentos

Entendendo as complicações do diabetes

Diabetes pode levar a uma variedade de complicações. Dor nas pernas e cãibras geralmente ocorrem como resultado de danos nos nervos chamados neuropatia diabética.

Mas se o diabetes danifica os nervos dos braços ou pernas, chama-se neuropatia periférica diabética. Isso pode ser um resultado direto da glicose alta  no sangue por muito tempo (hiperglicemia) em pessoas com diabetes.

Dor, queimação, formigamento e dormência são sintomas comuns. A neuropatia periférica também pode causar lesões graves nos pés e nas pernas. O diagnóstico precoce dos danos nos nervos é importante na prevenção dos sintomas. Isso pode ajudar a evitar amputações.

Você tem opções para aliviar as dores nas pernas e cãibras devido à neuropatia diabética. O controle da dor e cãibras nas pernas também pode ajudar a impedir que a situação progrida e assem melhora sua qualidade de vida.

Conteúdo:

Remédios para dor e câimbra na perna do diabético

A neuropatia diabética é mais comum nas pernas e pés. Sem tratamento e controle, pode se tornar debilitante. A coisa mais importante que você pode fazer para diminuir o risco de todas as complicações, incluindo a neuropatia diabética, é manter o diabetes controlado.

Se você tem neuropatia, o controle do diabetes ainda é muito importante. Mas existem outras etapas que você pode seguir para ajudar a controlar essa condição.

Um dos primeiros recursos é o tratamento da dor através de medicamentos. Remédios vendidos sem receita, como acetaminofen e ibuprofeno, podem ajudar a aliviar a dor leve a moderada. Atualmente, dois medicamentos são aprovados para o tratamento da neuropatia periférica diabética:

  • duloxetina 
  • pregabalina 

Outros medicamentos e opções de tratamento incluem o uso de opioides, como tramadol e tapentadol, além de remédios e sprays tópicos.

Suplementos alimentares

Certos suplementos alimentares também podem ajudar a aliviar a dor, a câimbra e o desconforto nas pernas causado pelo diabetes. Alguns nutrientes podem desempenhar um papel importante na reparação dos tecidos nervosos e até proteger de danos futuros. Os cientistas estão estudando os seguintes suplementos para o tratamento da neuropatia diabética:

  • ácido alfa-lipóico
  • acetil-L-carnitina
  • vitamina b12
  • vitamina D

O ácido alfa-lipóico é um antioxidante que ficou conhecido como um remédio caseiro para diabetes. Embora encontrado em alguns alimentos como brócolis e cenoura, o ácido alfa-lipóico também está disponível como suplemento. Pessoas com diabetes tomam o ácido alfa-lipóico para ajudar a aliviar a dor e possivelmente evitar mais danos nos nervos. Alguns estudos, mas não todos, apoiam o uso do ácido alfa-lipóico oral.

A acetil-L-carnitina imita substâncias químicas naturais encontradas no corpo. Ela ajuda a produzir células nervosas saudáveis. Mas este suplemento tem efeitos colaterais, como vômitos, e pode interagir com medicamentos para afinar o sangue. Um estudo descobriu a acetil-L-carnitina reduz a dor causada pela neuropatia periférica diabética.

Advertisement

A vitamina B-12 está presente em carnes e peixes e ajuda a fortalecer os glóbulos vermelhos. Essa vitamina também tem grande potencial de melhorar a função nervosa para evitar danos. A metformina é um medicamento comum usado para o diabetes tipo 2. Essa droga é conhecida por diminuir o nível de vitamina B-12 do corpo. Então, converse com seu médico para garantir que você não fique deficiente da vitamina B 12. Pois a deficiência de B-12 pode causar danos neurológicos que tem sintomas iguais a neuropatia diabética. A vitamina D também pode melhorar as funções nervosas ​​e diminuir o inchaço que pode causar dor.

Diabetes Controlada Dr. Rocha banner
Diabetes Controlada Dr. Rocha

Para os diabéticos, fazer uma dieta saudável é fundamental não só para controlar o diabetes, melhorar a saúde geral mas também para aliviar a dor nas pernas. Os suplementos alimentares não curam a dor nas pernas e ainda estão sendo estudados quanto à segurança e eficácia. Além disso, nem todos os pacientes precisam desses suplementos porque tem esses nutrientes da alimentação.

Agora, é importante conversar com seu médico sobre a necessidade de tomar esses suplementos para dores e cãibra nas pernas. Especialmente se você tomar algum medicamento.

Tratamentos caseiros

O controle da dor e cãibras nas pernas do diabético pode exigir mais do que tomar medicamentos ou suplementos. Embora esses métodos possam reduzir a inflamação e a dor, eles podem levar tempo para ter efeito. Além disso, pode ser perigoso tomar certos medicamentos, como opioides, por exemplo, principalmente por muito tempo.

Com a fisioterapia, você pode aprender exercícios que aliviam o desconforto nas pernas. Outros tratamentos incluem estimulação elétrica do nervo e terapia de luz que pode ser usada durante a fisioterapia. A acupuntura é outro tratamento que está sendo estudado para aliviar a dor e câimbra na perna do diabético.

Dor e Câimbras nas Perna do Diabético: Dicas de Tratamentos
Dor e Câimbras nas Perna do Diabético: Dicas de Tratamentos Caseiros

Você também pode tomar ações para aliviar a dor e câimbra na perna, como por exemplo:

  • fazer caminhadas curtas e frequentes
  • usar uma bicicleta ergométrica para aumentar o fluxo sanguíneo
  • mergulhar as pernas em banho quente
  • usar um suave encosto durante a noite para aumentar a circulação de sangue nas pernas 
  • Evitar o atrito causado pela roupa de cama nos pés e pernas

LEIA TAMBÉM:

Monitorando a dor e câimbra nas pernas

É importante informar qualquer forma de dor nas pernas com seu médico, mesmo que os sintomas não interfiram nas suas atividades diárias. Cãibras frequentes ou dor intensa podem indicar um agravamento da neuropatia diabética. Relate os sintomas ao seu médico imediatamente.

Mesmo dores leves nas pernas e cãibras devem ser informada ao seu médico ou equipe de tratamento. Mesmo se você não tiver neuropatia, estes podem ser sintomas de doença arterial periférica.

Diabetes coloca você em maior risco de sofrer de doença arterial periférica. Isso é problema sério que bloqueia os vasos sanguíneos nas pernas. Assim também aumenta o risco de ataque cardíaco e derrame. Órgãos internacionais estimam que 1 em cada 3 adultos com diabetes com mais de 50 anos tenha doença arterial periférica. A maioria das pessoas não percebe que tem o problema porque seus sintomas são sutis.

Como regra geral, procure seu médico se algo não estiver certo com suas pernas, pois isso pode salvar sua vida.

Gostou desse artigo? Deixe um comentário