...

Diabetes Gestacional: Causas e Tratamento

diabetes gestacional causas e tratamento

O que causa diabetes gestacional

Geralmente em torno da 24ª semana de gestação muitas mulheres desenvolvem diabetes gestacional.

Um diagnóstico de diabetes na gestação não significa que você tinha diabetes antes de engravidar, ou que você vai ter após o parto.

Mas é importante seguir o conselho de seu médico a respeito dos níveis normais de glicose no sangue (açúcar no sangue)

Por isso, se você está planejando engravidar, para que você e seu bebê sejam saudáveis, então fique atenta aos sintomas de diabetes gestacional.

Porque a glicose aumenta na gravidez?

Diabetes Gestacional: Causas e Tratamento

As mulheres grávidas que nunca tiveram diabetes antes, mas que têm altos níveis de glicose no sangue (açúcar alto no sangue) durante a gravidez. Correm o risco de ter diabetes gestacional.

De acordo com uma análise de 2014, feita pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, a prevalência de diabetes gestacional é tão alta quanto 9,2%.

Nós não sabemos o que causa o diabetes gestacional, mas temos algumas pistas.

A placenta suporta o bebê enquanto ele cresce.

Os hormônios da placenta ajudam o bebê a se desenvolver.

Mas esses hormônios também bloqueiam a ação da insulina da mãe em seu corpo.

Esse problema é chamado de resistência à insulina.

A resistência à insulina faz com que seja difícil para o corpo da mãe de utilizar a insulina.

Ela pode precisar de até três vezes mais insulina.

O diabetes gestacional começa quando o seu corpo não é capaz de produzir  e usar toda a insulina de que necessita para a gravidez.

Então, sem insulina suficiente, a glicose não poderá deixar o sangue e ser transformada em energia.

Assim, a glicose se acumula no sangue em níveis elevados. Isto é chamado de hiperglicemia.

O que o diabetes gestacional pode causar no bebê?

Diabetes Gestacional: Causas e Tratamento
O que diabetes gestacional pode causar ao feto

O  Diabetes gestacional afeta a mãe no final da gravidez, após o corpo do bebê estar formado, enquanto o bebê está crescendo.

Devido a isso, o diabetes gestacional não causa tipos de defeitos ao feto, como é visto em bebês cujas mães tiveram diabetes antes da gravidez.

No entanto, o diabetes gestacional não tratada ou mal controlado pode prejudicar seu bebê.

Quando você tem diabetes gestacional, seu pâncreas trabalha demais para produzir insulina, mas a insulina não diminui os seus níveis de glicose no sangue.

Embora a insulina não atravesse a placenta, a glicose e outros nutrientes sim.

Então a glicose extra no sangue vai passar através da placenta, aumentando os níveis de glicose no sangue do bebê.

Isso faz com que o pâncreas do bebe de comece a produzir insulina extra para se livrar da glicose no sangue.

Uma vez que o bebê está recebendo mais energia do que ele precisa para crescer e se desenvolver, a energia extra é armazenada como gordura.

Isto pode levar a macrossomia, ou um bebé “gordo”.

Bebês com macrossomia tem problemas de saúde no resto de sua vida, incluindo danos aos seus ombros durante o nascimento.

Devido à insulina extra produzida pelo pâncreas do bebê, recém-nascidos podem ter níveis muito baixos de glicose no sangue ao nascer e também estão em maior risco de problemas respiratórios.

Bebês com excesso de insulina se tornam crianças em risco de obesidade e adultos que em risco de diabetes tipo 2.

Como baixar glicose de gestante?

Diabetes Gestacional: Causas e Tratamento
Como tratar diabetes gestacional

Porque pode prejudicar você e seu bebê, você precisa iniciar o tratamento rapidamente.

O tratamento para diabetes gestacional tem como objetivo manter o glicose no sangue a níveis normais. Iguais os das mulheres grávidas que não têm diabetes gestacional.

O tratamento para diabetes gestacional sempre inclui dietas especiais e atividade física programada.

Pode também incluir doses diárias de insulina.

Para você, como futura mãe, o tratamento ajuda a ter menor o risco de uma cesariana que os bebês muito grandes podem exigir.

Cumprindo rigorosamente o seu tratamento, certamente, terá uma gravidez e parto saudável . Da mesma forma, evitar que seu bebe tenha problemas futuros.

Enquanto o diabetes gestacional é um motivo de preocupação, a boa notícia é que você pode contar com o Programa Diabetes Controlada para reduzir os níveis de glicose no sangue.

E com esta ajuda, você pode transformar a sua preocupação,  em uma gravidez saudável para você, e um começo de vida mais saudável para o seu bebe.

Diabetes gestacional tratamento natural

A descoberta da insulina e os conhecimentos das complicações ao bebe, causado pela hiperglicemia, além do avanço nas pesquisas sobre os alimentos que baixam a diabetes. São, sem dúvida inquestionáveis.

Contudo, os tratamentos médicos convencionais, bem como os remédios para diabetes são caros e cheio de efeitos colaterais.

Logo, a procura por tratamentos alternativos e acessíveis a toda população são fundamentais e devem ser valorizados.

O Programa Diabetes Controlada vem oferecer um tratamento natural para o Diabetes Gestacional.

Com aplicação de alimentação para diabéticos e mudança de hábitos alimentares é possível prevenir  controlar Diabetes na Gravidez sem o uso de medicamentos.

Como diagnosticar diabetes gestacional

Diabetes Gestacional: Causas e Tratamento
Como diagnosticar diabetes gestacional

Para o teste de glicemia de mulheres grávidas, a American Diabetes Association sugere os seguintes objetivos:

Qual o valor que é considerado diabetes gestacional?

Antes de uma refeição (pré-prandial) 95 mg / dl ou menos*
1 hora após uma refeição (pós-prandial) 140 mg / dl ou menos*
2 horas depois de uma refeição (pós-prandial) 120 mg / dl ou menos*

*Os valores de referência podem variar de acordo com a pessoa grávida.

Certamente, você vai precisar da ajuda do seu médico, e provavelmente, de outros membros da sua equipe de pré natal para realizar os exames.

Alem disso, para que o tratamento possa ser alterado conforme o necessário.

Diabetes gestacional apos o parto

Esse tipo de diabetes, geralmente desaparece após a gravidez.

Agora, já que você teve esse problema em sua gravidez recente, então, suas chances são de 2 em 3 que ela retorne em futuras gestações.

Em algumas mulheres, no entanto, a gravidez descobre o diabetes tipo 1 ou  tipo 2.

É difícil dizer se as mulheres que ou tiveram diabetes gestacional, já sofriam de outro tipo de diabetes antes. Da mesma forma, não se sabe se iniciou durante a gravidez.

Estas mulheres terão de continuar os tratamentos para diabetes após a gravidez.

Muitas mulheres que têm diabetes gestacional podem desenvolver o diabetes tipo 2  anos mais tarde.

Parece haver alguma ligação entre a tendência de ter diabetes gestacional e diabetes tipo 2.

Pois, ambos, envolvem a resistência à insulina.

Certas mudanças básicas no estilo de vida pode ajudar a evitar diabetes após diabetes gestacional.

Como controlar diabetes gestacional

diabetes controlada dr rocha promoção
diabetes controlada dr rocha promoção

Você está mais que 20% do seu peso corporal ideal?

Perder alguns quilos pode ajudá-la a evitar o desenvolvimento de diabetes tipo 2.

Faça escolhas alimentares saudáveis ​​

Seguir simples mudanças alimentares, como comer uma variedade maior de alimentos, e seguir essas dicas de alimentação para diabéticos.

Coma mais, frutas e legumes frescos. Escolha alimentos com baixo índice glicêmico.

Alimentos com alto índice glicêmico, causam picos de glicemia no sangue, e são muito prejudiciais, ainda mais se tratando de diabéticos.

Limite a ingestão de gordura saturada em 30% ou menos das calorias diárias.

Observe mais atentamente o tamanho da porção.

Hábitos alimentares saudáveis ​​é o caminho na prevenção de diabetes e outros problemas de saúde.

O exercício físico regular permite que seu corpo use a glicose sem insulina extra.

A atividade física ajuda a combater a resistência à insulina

Nunca comece um programa de exercícios sem consultar o seu médico primeiro.

Conclusão:

O diabetes na gravidez pode trazer problemas tanto a mãe quanto ao bebe.

Se você tem casos na família de pessoas diabéticas, redobre então sua atenção.

Comunique ao seu médico os casos de diabetes na família, para que ele solicite os exames.

Um pré natal bem planejado é fundamental para evitar o diabetes na gravidez.

LEIA TAMBÉM:

Fontes:

3 Comentários

Comentários estão fechados.

Rolar para o topo
%d blogueiros gostam disto: