Como Fazer Desinfetante Caseiro para as Mãos

Aprenda como fazer um desinfetante caseiro para as mãos ( álcool gel ) receita recomendada pela OMS e CDC dos Eua

Como Fazer Desinfetante Caseiro para as Mãos

Como fazer álcool gel caseiro

Quando se trata de impedir a propagação de doenças infecciosas como o COVID-19 , nada supera a boa lavagem das mãos à moda antiga, com água e sabão, mas na falta de uma pia, você pode usar um desinfetante caseiro para as mãos.

Se água e sabão não estiverem disponíveis, sua melhor opção, de acordo com CDC dos Eua, é usar um desinfetante para as mãos à base de álcool que contenha pelo menos 60% de álcool.

A menos que você tenha um estoque de álcool gel, comprado antes da pandemia, é provável que tenha dificuldade em encontrar um em uma loja ou farmácia ou até online. Devido à rápida disseminação do novo coronavírus, a maioria dos varejistas não consegue acompanhar a grande demanda de desinfetante para as mãos.

Mas temos boas notícias! Você só precisa de três ingredientes para fazer seu próprio álcool gel e desinfetante para as mãos em casa. Leia mais para descobrir a receita e como fazer.

Índice:

Ingredientes:

É fácil fazer seu próprio desinfetante caseiro para as mãos e requer apenas alguns ingredientes:

  • Álcool Absoluto (99% de volume de álcool)
  • Gel de babosa
  • Óleo essencial, como óleo de melaleuca ou óleo de lavanda , ou você pode usar até mesmo suco de limão fresco

O segredo para fazer um desinfetante caseiro para as mãos, que mata os germes, é manter uma proporção de 2: 1 de álcool e babosa. Ou seja, duas partes de álcool e uma de babosa. Isso mantém o teor alcoólico em torno de 60%. Essa é a quantidade mínima necessária para matar a maioria dos germes,de acordo com o CDC.

Como  fazer desinfetante caseiro para as mãos?

Essa receita não é nossa, não tiramos do acaso. Segundo Jagdish Khubchandani, PhD, professor de ciências da saúde na Ball State University, EUA, compartilhou essa fórmula de desinfetante caseiro para as mãos.

Sua fórmula de desinfetante para as mãos combina:

  • 2 partes de álcool isopropílico ou etanol ou absoluto (91 a 99% de álcool)
  • 1 parte de gel de babosa
  • Algumas gotas de óleo essencial de cravo, eucalipto, hortelã-pimenta ou outro óleo essencial de seu agrado.

Se você estiver fazendo desinfetante para as mãos em casa, Khubchandani diz para seguir estas dicas:

  • Faça o desinfetante para as mãos em um espaço limpo. Limpe as bancadas e os utensílios com uma solução diluída de água sanitária previamente.
  • Lave bem as mãos antes de fazer o desinfetante para as mãos ou use luvas.
  • Para misturar, use uma colher limpa e bata bem. Lave bem esses itens antes de usá-los para outro fim.
  • Verifique se o álcool usado para o desinfetante para as mãos não é diluído. Atualmente o álcool vendido nos mercados é de apenas 40%. Você vai precisar comprar álcool concentrado em uma farmácia.
  • Misture bem todos os ingredientes até que estejam bem homogêneos.
  • Não toque na mistura com as mãos até que esteja pronta para uso.

Para fazer uma quantidade maior de desinfetante caseiro para as mãos, a Organização Mundial da Saúde (OMS) possui uma fórmula de desinfetante que usa:

  • Álcool isopropílico ou etanol
  • Peróxido de hidrogênio ou água oxigenada
  • Glicerol ou glicerina
  • Água fria destilada ou fervida estéril

Desinfetante caseiro é seguro?

Atualmente as receitas de desinfetante caseiro para as mãos estão em toda a Internet atualmente – mas elas são seguras? Funciona?

Essas receitas, incluindo as mencionadas acima, foram elaboradas por profissionais com experiência e os recursos necessários para comprovar a eficácia do desinfetante. 

O desinfetante caseiro para as mãos é recomendado apenas em situações extremas quando você não consegue lavar as mãos com água e sabão.

Ingredientes ou proporções erradas podem causar:

  • Falta de eficácia, o que significa que o desinfetante pode não eliminar efetivamente o risco de exposição a alguns ou todos os micróbios
  • Irritação da pele, ferimentos ou queimaduras
  • Exposição a produtos químicos perigosos por inalação

O desinfetante caseiro para as mãos também não é recomendado para crianças. As crianças podem ser mais propensas ao uso inadequado do desinfetante, o que pode causar ferimentos.

Advertisement

Como usar o desinfetante caseiro para as mãos?

Como usar o desinfetante caseiro para as mãos
Como usar o desinfetante caseiro para as mãos corretamente

Duas coisas que devemos ter atenção ao usar o desinfetante para as mãos:

  • Você precisa esfregar na pele até que as mãos estejam secas.
  • Se suas mãos estiverem oleosas ou sujas, então, lave antes com água e sabão.

Cientes disso, aqui estão algumas dicas para o uso correto do desinfetante caseiro para as mãos.

  • Pulverize ou aplique o desinfetante na palma de uma mão.
  • Esfregue bem as mãos. Certificando de cobrir toda a superfície de suas mãos e dedos.
  • Continue esfregando por 30 a 60 segundos ou até que suas mãos estejam secas. Pode levar pelo menos 60 segundos, e às vezes mais, para o desinfetante para as mãos matar a maioria dos germes.

Quais germes o desinfetante para as mãos pode matar?

De acordo com o CDC, um desinfetante para as mãos à base de álcool que atenda aos requisitos de no minimo 60 % do volume de álcool pode reduzir rapidamente o número de micróbios em suas mãos.

Também pode ajudar a destruir uma grande variedade de agentes causadores de doenças ou patógenos em suas mãos, incluindo o novo coronavírus, SARS-CoV-2.

No entanto, mesmo os melhores desinfetantes para as mãos à base de álcool têm limitações e não eliminam todos os tipos de germes.

Segundo o CDC, os desinfetantes para as mãos não te livra de produtos químicos potencialmente perigosos. Também não é eficaz para matar os seguintes germes:

  • Norovírus – um vírus intestinal e intestinal muito contagioso
  • Cryptosporidium , que causa criptosporidiose – que é uma infecção intestinal altamente contagiosa
  • Clostridium difficile , uma bactéria infecciosa que causa uma doença conhecida como colite

Além disso, um desinfetante caseiro para as mãos pode não funcionar bem se suas mãos estiverem visivelmente sujas ou oleosas. Isso pode acontecer depois de manusear alguma comida, mexer no quintal ou praticar algum esporte.

Se suas mãos estiverem sujas ou viscosas, então opte por lavar as mãos com água e sabão em vez de usar um desinfetante para as mãos.

Lavar as mãos ou usar um desinfetante?

Saber quando é melhor lavar as mãos e quando é melhor usar o desinfetante para as mãos é essencial para se proteger do novo coronavírus e de outras doenças, como o resfriado comum e a gripe sazonal.

Embora ambos tenham o mesmo objetivo, lavar as mãos com água e sabão deve sempre ser uma prioridade, de acordo com o CDC. Use apenas o desinfetante para as mãos se água e sabão não estiverem disponíveis em uma determinada situação.

Também é importante sempre lavar as mãos:

  • Depois de ir ao banheiro
  • Depois de assoar o nariz, tossir ou espirrar
  • Antes de comer
  • Depois de tocar em superfícies que podem estar contaminadas

O CDC lista instruções específicas da maneira mais correta de lavar as mãos. Eles recomendam as seguintes etapas:

  • Sempre use água limpa e corrente. (Pode ser quente ou fria.)
  • Molhe as mãos primeiro, depois desligue a água e ensaboe as mãos.
  • Esfregue as mãos com o sabão por pelo menos 20 segundos. Esfregue as costas das mãos, entre os dedos e as unhas.
  • Ligue a água e lave as mãos. Use uma toalha limpa ou seque com ar.

Conclusão:

O desinfetante caseiro para as mãos é uma maneira prática e barata de ajudar a evitar a propagação de germes quando água e sabão não estão disponíveis. Os desinfetantes para as mãos à base de álcool podem ajudar a te manter seguro e reduzir a disseminação do novo coronavírus.

Se estiver com dificuldades para encontrar o desinfetante para as mãos nas lojas locais e a lavagem das mãos não estiver disponível, você poderá fazer seu próprio desinfetante em casa. Você só precisa de alguns ingredientes, como álcool, babosa vera e um óleo essencial ou suco de limão.

LEIA TAMBÉM: