Calculo Renal ou Pedras Nos Rins Causas e Sintomas

Calculo Renal ou Pedras Nos Rins Causas e Sintomas

O que são pedras nos rins?

Os cálculos renais, ou pedras nos rins, são pedras sólidas feitas de cristais. Os cálculos renais geralmente se originam nos rins. No entanto, eles podem desenvolver em qualquer lugar do seu trato urinário, que consiste órgãos, como por exemplo:

  • Rins
  • Ureteres
  • Bexiga
  • Uretra

Os cálculos renais são, certamente muitos dolorosos. As causas dos cálculos renais variam de acordo com o tipo de pedra.

Tipos de calculo renal

Tipos de calculo renal

Nem todas as pedras nos rins são feitas dos mesmos cristais. Os diferentes tipos de cálculos renais são por exemplo:

Cálcio

Pedras de cálcio são as mais comuns. Normalmente, são compostas de oxalato de cálcio (embora possam ser de fosfato de cálcio ou maleato). Então, consumir menos alimentos ricos em oxalato pode reduzir o risco de desenvolver esse tipo de pedra. Alimentos com alto teor de oxalato são por exemplo:

  • Batata frita
  • Amendoim
  • Chocolate
  • Beterraba
  • Espinafre

No entanto, apesar de alguns cálculos renais serem compostos de cálcio, consumir cálcio na dieta pode impedir a formação de pedras.

Ácido úrico

Este tipo das pedras nos rins é  mais comum em homens do que em mulheres. Além disso, podem ocorrer em pessoas ou com gota ou que passam por quimioterapia .

Este tipo de pedra se desenvolve quando a urina é muito ácida. Uma dieta rica em purinas pode aumentar o nível de ácido na urina. A purina é uma substância incolor das proteínas animais, como por exemplo: peixes, mariscos e carnes.

Estruvita

Esta é tipo das pedras nos rins encontradas principalmente em mulheres com infecções do trato urinário (ITUs) . Essas pedras podem ser grandes e causar obstrução urinária. E são o resultado de uma infecção nos rins. Assim, tratar a infecção, pode impedir o desenvolvimento de cálculos renais.

Cistina

As pedras nos rins de cistina são raras. Elas ocorrem em homens e mulheres que têm desordem genética cistinúria . Com este tipo de pedra, a cistina – um ácido natural do corpo – vaza dos rins para a urina.

Calculo renal causas

Em primeiro lugar, o maior fator de causas de calculo renal é produzir menos de 1 litro de urina por dia. É por isso que o calculo renal é mais comum em bebês prematuros com problemas renais. No entanto, o calculo renal é mais frequente nas pessoas entre os 20 e os 50 anos .

Diferentes fatores podem aumentar o risco de desenvolver as pedras nos rins. Geralmente, os brancos são mais propensos a ter pedras nos rins do que os negros.

O sexo também desempenha um papel importante. Mais homens que mulheres desenvolvem pedras nos rins, de acordo com o Instituto Nacional de Diabetes e Doenças Digestivas e Renais .

Um histórico anterior de pedras nos rins pode aumentar o risco. O mesmo acontece com o histórico familiar.

Outras causas de calculo renal incluem:

  • Desidratação
  • Obesidade
  • Dieta rica em proteína, sal ou glicose
  • Hiperparatireoidismo
  • Cirurgia gastro bariátrica
  • Além de doenças inflamatórias intestinais que aumentam a absorção de cálcio.
  • Bem como, uso de medicamentos como por exemplo: diuréticos de triantereno, medicamentos anticonvulsivantes e antiácidos à base de cálcio

Pedras nos rins sintomas

O calculo renal, sem dúvida, causa uma dor muito severa. Os sintomas das pedras nos rins podem não ocorrer até que a pedra comece a descer aos ureteres .

onde dói pedras nos rins?

Essa dor severa é chamada de cólica renal . Então, você pode ter dor de um lado das costas ou do abdômen.

Nos homens, a dor pode irradiar para a região da virilha. A dor da cólica renal vai e vem, mas pode ser intensa. Pessoas com cólica renal tendem a ficar inquietas.

Outros sintomas de pedras nos rins podem incluir:

Sangue na urina ( urina vermelha, rosa ou marrom)
Vômito
Náusea
Urina descolorida ou fétida
Arrepios
Febre
Necessidade frequente de urinar
Urinar pequenas quantidades

Mas, no caso de uma pequena pedra nos rins, você pode não sentir dor ou sintomas quando a pedra passa pelo trato urinário.

Leia: Espuma na urina, o que pode ser?

É perigoso pedra nos rins?

É perigoso pedra nos rins?

As pedras nem sempre ficam no rim. Às vezes eles passam do rim para os ureteres. Os ureteres são pequenos e delicados, e as pedras podem ser grandes demais para passar suavemente pelo ureter até a bexiga.

Advertisement

A passagem de pedras pelo ureter pode causar espasmos e irritação dos ureteres. Isso faz com que o sangue apareça na urina.

Às vezes as pedras bloqueiam o fluxo de urina. Isso é chamado de obstrução urinária . Obstruções urinárias podem levar à infecção renal e danos nos rins.

Leia: Nefropatia diabética, causas e tratamentos

Qual exame detecta pedra nos rins?

O diagnóstico do calculo renal requer uma avaliação completa do histórico de saúde além de exame físico . Outros testes são por exemplo:

Exames de sangue para cálcio, fósforo, ácido úrico e eletrólitos
azoto ureico no sangue (BUN) e creatinina para avaliar o funcionamento renal.
Urinálise para verificar se há cristais, bactérias, sangue e glóbulos brancos.
Exame de pedras passadas para determinar seu tipo.

Pedras nos rins como identificar?

Raios-x abdominais
Pielograma intravenoso (PIV)
Pielograma retrógrado
Ultrassonografia do rim (o teste preferido)
Ressonância magnética do abdome e dos rins
Tomografia computadorizada abdominal

O corante de contraste usado na tomografia computadorizada e na PIV pode afetar a função renal. No entanto, em pessoas com função renal normal, isso não é uma preocupação.

Existem alguns medicamentos que podem aumentar o potencial de dano renal em conjunto com o corante. Então fale com o radiologista dos medicamentos que você está tomando.

Pedras nos rins tratamento

O tratamento é então de acordo com o tipo de pedra. A urina pode ser coletada e as pedras para avaliação.

Beber seis a oito copos de água por dia aumenta o fluxo de urina. As pessoas desidratadas que ou têm náuseas e/ou vômitos graves podem precisar de hidratação intravenosa.

pedras nos rins remédio

Medicamentos para pedras nos rins

O alívio da dor pode exigir medicamentos analgésicos fortes. Mas, a presença de infecção requer tratamento com antibióticos. Outros medicamentos incluem:

  • alopurinol (Zyloprim) para cálculos de ácido úrico
  • diuréticos tiazídicos para prevenir a formação de cálculos de cálcio
  • bicarbonato de sódio ou citrato de sódio para tornar a urina menos ácida
  • soluções de fósforo para evitar a formação de pedras de cálcio
  • ibuprofeno (Advil) para dor
  • paracetamol (Tylenol) para dor
  • naproxeno de sódio (Aleve) para dor

pedras nos rins tratamento laser

A litotripsia extracorpórea por ondas de choque usa ondas sonoras para romper pedras grandes para que elas possam passar mais facilmente os ureteres para a bexiga. Esse procedimento pode ser desconfortável e pode exigir anestesia leve. Pode causar hematomas no abdômen e nas costas e sangramento ao redor do rim e órgãos próximos.

Cirurgia do túnel (nefrolitotomia percutânea)

Um cirurgião remove as pedras através de uma pequena incisão nas costas. Uma pessoa pode precisar deste procedimento quando:

A pedra causa obstrução e infecção ou danifica os rins
A pedra ficou grande demais para passar
A dor não pode ser controlada

Uretroscopia

Quando uma pedra está presa no ureter ou bexiga, seu médico pode usar um instrumento chamado uretroscópio para a remoção.

Um pequeno fio com uma câmera acoplada é inserido na uretra e passado para a bexiga. O médico então usa uma pequena gaiola para prender a pedra e removê-la. A pedra é então enviada ao laboratório para análise.

Como evitar pedras nos rins?

A hidratação adequada é a medida preventiva mais importante. A Mayo Clinic recomenda beber cerca de 2,6 litros de água por dia. Assim, aumenta a quantidade de urina que ajuda a lavar os rins.

Troque o refrigerante e o suco de fruta por água para assim aumentar a ingestão de líquidos.

Coma alimentos ricos em oxalato com moderação e reduza a ingestão de sal bem como de proteínas animais para reduzir o risco de sofrer com pedras nos rins.

O médico pode então, prescrever medicamentos para prevenir a formação de cálculos de cálcio e ácido úrico. Agora, se você teve uma pedra nos rins ou corre esse risco, então informe seu médico e discuta os melhores métodos de prevenção.

Este artigo é meramente informativo, dessa forma, não desejamos substituir a consulta médica.

Fonte: https://www.healthline.com

4 comentários em “Calculo Renal ou Pedras Nos Rins Causas e Sintomas”

Os comentários estão desativados.